20-07-2011

Poemas
1:
Seria possível as desgraças acontecerem todas de uma vez?
Com um olhar pessimista eu vejo as pessoas,
Sorrindo e cantando,
Isso me deixa mais pessimista ainda,
Pois sei que elas se negaram quando um desastre acontecer,
E como tolas choraram pensando no passado,
Pobres tolas que pensam que nada de ruim irá haver,
E como ignorante eu penso que estou certo,
Mas mesmo assim estou errado,
E sei que sempre estarei,
Pois isso me foi destinado

2-
Com uma alma ferida eu continuo a vagar,
Sem ver felicidade em qualquer lugar,
Com meus sentimentos obscuros e reprimidos,
Sem nada de bom em mente e asas quebradas não consigo voar,
Sendo tolo eu continuo a pensar que irei mudar,
Palavras que me dão esperança são tao tolas e ignoráveis,
Persistindo nos meus erros continuo a me ferir,
Romantismo, sarcasmo, e  psicopatismo tem me atormentado.

3-
Seu olhar é mais belo que todos os outros,
Consigo sentir como se minha alma queimasse e se agitasse me deixando em êxtase,
Quando sinto sua presença eu esqueço meus medos e tolices,
Como consequência eu tenho que te olhar sem poder demonstrar,
A mais bela és tu,
Como um anjo que não me vê e ignora-me,
Sinto que eu sou nada mais que um cadáver sem vida olhando a sua beleza imortal.
Com meu sorriso falso eu te olho.
Sera que poderei demonstrar oque sinto para tu minha deusa do veneno fatal.

4-
Vendo as pessoas a minha volta serem felizes,
Eu tento imita-las e ser como eles,
Mas oque eles chamam de felicidade,
Seria uma sensação que deixa a pessoa se sentindo bem,
Certamente isso eu não posso dizer,
Sorrisos são a unica coisa que posso ver,
Eu não consigo entender como tão feliz você pode ser,
Quero um dia saber como é essa tal felicidade,
Será que algum dia olharei em teus olhos e direi que sou realmente feliz?

1 comentário

david1508gts em 21 de julho de 2011 17:26
Este comentário foi removido por um administrador do blog.

 
▲ Topo